Truques infalíveis para controlar a vontade de comer

Uma das dificuldades mais comuns que eu encontro entre quem quer emagrecer está relacionada com o controlo do apetite.  Será que este também é o seu grande vilão do emagrecimento? 

Sabe aquela vontade de comer que parece não ter fim? A sensação de que o estômago nunca está cheio?  A sensação de que parece que come…come…come e tem sempre fome? Para não falar daquele apetite louco por doces e outras coisas! 

A pensar no quanto esta dificuldade em controlar o apetite é comum decidi partilhar consigo 2 truques que eu considero que são infalíveis para ajudar a diminuir este apetite e o melhor de tudo sem passar fome.  

Claro que para realmente confirmar se são infalíveis ou não terá que colocar em prática e depois partilha comigo se funcionou ou não está bem? 

Antes de falarmos dos truques é importante que perceba que na maioria das vezes este apetite incontrolável está associado a erros alimentares cometidos no nosso dia-a-dia. Simples assim. 

Eu vejo muito a procura pelo milagre, aquele comprimido milagroso que tira o apetite, aquele alimento extraordinário, aquele chá milagroso. Esta procura existe não só quando falamos no controlo do apetite, mas também quando falamos do próprio emagrecimento, há a procura incessante pela dieta perfeita, pelo alimento que vai fazer toda a diferença.  

E, no meio desta procura incessante do milagre acabamos por deixar de lado as coisas simples e erradas que fazemos diariamente. A verdade é que se nos dedicarmos a esses pequenos erros vamos ter o nosso grande milagre! Os truques que lhe trago hoje vão precisamente trabalhar esses pequenos erros.

Truque 1: Mastigar lentamente

A nossa digestão começa na boca, o ato de mastigar permite que façamos a digestão mecânica dos alimentos. E, são várias as consequências de não mastigarmos corretamente!

A nossa digestão começa na boca, o ato de mastigar permite que façamos a digestão mecânica dos alimentos. E, são várias as consequências de não mastigarmos corretamente, entre elas problemas de estômago, intestino, gases…

Mas, focando aqui no apetite, o mastigar rápido impede-nos de sentir saciedade e até mesmo de sentir o verdadeiro sabor dos alimentos. Enquanto os alimentos estão na boca o nosso cérebro está a reconhecer os diferentes sabores que estamos a sentir e isso é extremamente importante para sentirmos prazer com a alimentação e, consequentemente, saciedade e controlo do apetite.

Além disso durante o processo de digestão o nosso corpo produz hormonas que indicam ao nosso cérebro que já temos a quantidade suficiente de comida e que podemos parar de nos alimentar. Mas isso não é um processo instantâneo, precisamos de pelo menos 20 minutos para sentir essa saciedade. Logo, se mastigamos de forma demasiado rápida só vamos parar quando já sentimos o estômago cheio. Ou seja, aquela sensação de que o seu estômago é gigante, que se não comer em quantidade vai ficar cheia de fome, isso só acontece porque a mastigação não está a ser correta!

E, portanto, o primeiro truque infalível é mastigar lentamente. E tenho a certeza absoluta que se o fizer vai controlar muito o seu apetite e sem passar fome. Aliás vai acabar por deixar comida no prato porque não vai mesmo conseguir comer mais! 

Truque 2: Não saltar refeições

O segundo truque para acabar com o apetite louco é não saltar refeições! Eu sei que é simples, mas a verdade é que é um erro muito comum e que faz toda a diferença. Muitas vezes não fazemos os lanches porque não estamos com fome no momento ou porque estamos demasiado ocupados e quando vemos já passou a hora…

Saltar uma refeição faz com que fiquemos cheios de fome para a refeição seguinte, e se estamos cheios de fome é impossível controlar o apetite.

Ter fome é normal, é apenas um sinal do nosso corpo de que estamos a precisar de repor energia e nós temos de a respeitar mal aparece quando não o fazemos será impossível depois controlar o apetite!

E se eu lhe disser que ainda existe um outro truque infalível que vai fazer toda a diferença quando associado a estes que mencionei?

Veja o vídeo aqui

Bem se Queira, sempre!

Drª Patrícia Costa